Warning: "continue" targeting switch is equivalent to "break". Did you mean to use "continue 2"? in /home/spiritis/public_html/br/wp-includes/pomo/plural-forms.php on line 210
:: The Spiritist Psychological Society :: – Joanna de Ângelis Responde

Joanna de Ângelis Responde

Como o trabalhador espírita pode adentrar os temas psicológicos nas atividades da Casa Espírita sem resvalar em uma suposta psicoterapia?

O estudo do Espiritismo, de alguma forma, é também do conhecimento psicológico, porquanto diz respeito à transformação moral do indivíduo para melhor, para tornar-se vencedor das paixões primárias em favor das emoções superiores da vida.

Os estudos da Psicologia Espírita constituem uma contribuição para mais amplo entendimento da codificação kardequiana, por aprofundar a sonda do esclarecimento nos conflitos que vicejam em todas as criaturas, auxiliando-as com métodos eficazes para solucioná-los, não atribuindo todas as ocorrências perturbadoras às influências espirituais negativas, mas, sim, aos próprios demônios, aqueles que as acompanham através das sucessivas reencarnações e formam o ego perverso ou sonhador, dinâmico ou preguiçoso, alegre ou angustiado…

Inevitavelmente, à medida que o ser estuda e se estuda, melhora-se, realizando uma autopsicoterapia, por eleger o bem em vez da perturbação e dos sentimentos inferiores. 

Joanna de Ângelis

(Livro: ESPELHOS DA ALMA: Uma jornada terapêutica.  Divaldo Franco & Espírito Joanna de Ângelis)

Copyright @ The Spiritist Psychological Society. All Rights Reserved.